Vislumbres de uma Infância Dourada, OSHO, 43-45

Sessão 43   Ok. Sempre me perguntei como Deus pôde fazer esse mundo em apenas seis dias. E esse mundo! Talvez seja por isso que ele chamou seu filho de Jesus! Que nome para se dar para seu próprio filho! Ele tinha que punir alguém pelo o que tinha feito, e não havia ninguém mais disponível. […]

Vislumbres de uma Infância Dourada, OSHO, 32-35

Sessão 32   Sempre espantei-me pois algo havia dado certo comigo desde o início. É claro que tal frase não existe em nenhuma língua. Existe uma frase como “algo deu errado,” mas não “algo deu certo,” mas o que posso fazer? Realmente deu certo desde a minha primeira respiração – até agora pelo menos, e […]