Os Yoga Sutras de Patanjali – Tradução Narrativa

Introdução: Proposta diacrônica de leitura dos Yoga Sutras           Desde os primórdios da cultura Védica, no Rigveda, os quatro objetivos da vida Hindu são: Artha - busca por sucesso material, Kama - busca por sucesso no Amor, Dharma - cumprimento das leis e Moksha - libertação ou redenção espiritual. Os Yoga Sutras de Patanjali, ao... Continuar Lendo →

Mulher Fenomenal, Maya Angelou

Belas mulheres se perguntam onde meu segredo se encontra. Não sou doce ou feita para me encaixar no tamanho de uma modelo Mas quando começo a dizê-las, Elas pensam que digo mentiras. Eu digo, Está no alcance dos meus braços, Na largura do meu quadril, No avanço do meu passo, Na espiral dos meus lábios.... Continuar Lendo →

Ao Muito Antigo (Auld Lang Syne)

A uma Mestra Escoteira, Mãe e Amiga, que sabe regar a semente da bondade nos corações alheios, convocando o desabrochar da manhã da alegria. Poema de Robert Burns de 1788, baseado na versão contida em The Norton Anthology of English Literature. Optei por manter a prosódia sempre que possível. "Devem antigos conhecidos serem esquecidos, E nunca trazidos às mentes? Devem... Continuar Lendo →

O Matrimônio do Paraíso e Inferno, William Blake

Tradução baseada no The Norton Anthology of English Literature, Fourth Edition. Notas no prelo.           A mais acessível das obras longas de Blake, é um vigoroso, deliberadamente escandaloso, às vezes cômico, ataque contra os timidamente convencionais e arrogantes membros da sociedade, assim como contra muitas das opiniões no repertório da piedade e... Continuar Lendo →

“Gênio”, Arthur Rimbaud

Para a musa que entorpece a luz que invade meus olhos, reluzindo o arco-íris da aliança cósmica entre humanos e deuses. Para os amigos de ontem e hoje, mar primordial daquilo que somos. Gênio Ele é afeição e o presente pois ele abriu a casa para a espuma do inverno e ao rumor do verão,... Continuar Lendo →

WordPress.com.

Acima ↑